domingo, 12 de novembro de 2017

Estar só.



As pessoas só pensam em si,
As pessoas só pensam em seu bem estar,
Só pensam no seu ganhar,
E te tratam como se fosse mais um,
Não se colocam em seus lugares para que assim sejamos um,

As pessoas não se importam,
As pessoas não se tocam,
As pessoas não olham para si,
Observando no seu lugar, o sentimento fugir,

O sentimento triste de estar só, mesmo, rodeado de amigos, sentir,
Quando se cuida de si, a dor toma o lugar do amor,

O tratamento intenso exige que se seja verdadeiro,
E quando se precisa de força por inteiro,
Estão vazios e cheios de maus sentimentos,

As pessoas vazias só pensam no fora,
Só olham para fora, não prestam atenção em sequer ouvir,
Se quer abrir o coração para ouvir,
Porque a alienação tomou conta do teu Lar, chamado Sião,
O que era espírito agora é carne, e o mundo se torna seu lar,
Anulando o seu verbo chamado amar,

A exclusão se torna comum, afinal pra que ser um?
A dor se torna o desamor, do ódio, da raiva e do mau humor,
Sofrimento é amor,

Amor é sofrer,
Que dói no âmago do ser.
Chega doer que o corpo está a padecer,
Padecer entre céu e terra,
Padecer, sofre em solidão,
Buscando vencer esta guerra.

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Liberação Racial.

"Escravidão,
Dia e noite de dor e medo,
Passado e presente, unidos, 
das marcas dos meus traços secos
Que hoje foram apagadas e 
não ditas,para os meus.
História que hoje meu povo preto carrega 
e paga diariamente, sem evoluir, por que?
São as marcas de queimaduras, 
das mordaças, do ferro que hoje é invisível, 
são apagadas.

O medo é a marca, 
marcado pelo abuso do abandono amaldiçoado,
Do homem, da criança, e do idoso, atropelados.
Que cruzaram caminhos acorrentados, 
mal sabiam que estavam por vir, 
pelos separos das etnias e raças africanas, quanto pecado!

A pureza desfeita da pobreza alheia, 
nos porões sujos dos navios do mundo!
Cruzando oceanos no escuro,

Porém pelos caminhos repletos de espinho, 
alinho meu pensamento pelo lado positivo,
Lado este, que se espalhou pelo mundo,
A inteligência e o discernimento do preto com sua espiritualidade,
Que é profunda,
Passando por todas as dificuldades com maturidade
De se refazer e florescer para infinito, para que hoje eu e eu e tu, prossigamos,
Honrando-os pelos caminhos'
Caminhos tortuosos, que brotam
O ódio opressor que nos faz sentir aquela mesma dor
Dor do passado que foi roubado,

Recupera tua força e prossegue ,
Se libertando das correntes e se levantando novamente,
Consagrando com realeza a tua real alteza,
Voltando seu olhar ao leste,
Onde está a real beleza, ancestral,
Cultivar com amor,
Resgatar e trazer pra si e frutificar, África!!

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Uma Rainha inspira outra.



Um Rainha trás consigo inspiração
Pelas suas ações,
Pela sua verdade, sem qualquer ambição,

Trás em si, uma cura verdadeira
Por tal amor a nação,
Com uma mulher rastafari

Menen trouxe a sagrada inspiração
Para aprender a amadurecer
A saber o que é realmente meu
Lugar de fé, neste mundo de ilusão
Trouxe o amadurecimento,
Trouxe em mim o auto-conhecimento
Do eu verdadeiro Superior
O Supremo do Sagrado Eterno

Haile Selassie I
Do trono africano etíope,
Nos trouxe a redenção,
E nos trouxe um outro olhar
Para a salvação

Revelando que nós, mulheres
Devemos lutar pelos nossos ideias
Jamais baixar a guarda por meros mortais

Conquistar com sabedoria,
O nosso Trono da Sagrada Harmonia
Reconhecendo em si nosso valor
Consagrar o nosso eterno louvor

Onde com nossas Rainhas Ancestrais
Recebemos com glória nossos dons que são divinais
Com humildade receber para que sae doa sem querer,
Sem querer algho em trocam
Sem querer ser reconhecido por alguém
Assim deixamos o nosso verdadeiro
Ensino Sagrado, suave e perfumado
Flor do amor, sagrado
De gloriosa Imperatriz Menen que se inspirou.


segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Do silêncio.

Eu silencio
porque silenciar
Vem do siêncio
Que meus ancestrais me dão

Eu silencio porque
Provém dEles
E Deus é o silêncio,
que esta a pregar;

Silenciando , no silêncio,
Eu vou,
Guardando no coração o que é de amor,

Calado, calado a mencionar
A mencionar que o calor vem
Do muito "falar"
E da sabedoria provém a harmonia,
Guardando com preceitos,

O que é de bom proveito,
Observar, absorver
Não precisar falar,
Basta calar , para que todo o conhecimento interno
Há de chegar, porque do muito falar,
Chega a ironizar encher o paladar de tanto falar,

Falar sem conhecimento não te trás discernimento,
Porque o falador não possui um coração perdoador,
Do refletir, o calor possui o verdadeiro sentir,

Então silencie, porque silenciar vem do silêncio verdadeiro
Que certamente Jah nos dá...

domingo, 8 de outubro de 2017

Reparação.

Queremos reparação
De um povo que padeceu
na escuridão,
Escuridão de perder seus familiares, 
de perder toda sua linhagem
Seus traços, sua irmandade,
Sua familiaridade e maturidade,

Separados fomos dos nossos ancestrais,
misturados e enfeitiçados por catedrais...

Tentaram apagar nossas memórias,
Mas jamais,
nossos laços foram feitos,
consagrados e eternizados
Mesmo diante de maus tratos
Seguimos calados
Construindo nos mundos,
Desvalorizados,

Mas, o berço africano
Jamais deturbado
Pois com nossa inteligência
Construímos a base da ciência 
Grandes plantações nossos avós nos deixaram com paciência 
Trazendo com sabedoria ,
Legumes, frutas e ervas para

que nossas gerações futuras, se floresçam

E por mais que hoje o homem branco tente apagar
A juventude preta e que restabeleceu seu brilho, busca reparar
Recuperando os princípios de vida,
Trazendo vivo costumes de uma vida sofrida

Se reconhecendo como Reais Reis e Rainhas
Utilizando das sagradas matriarcas, as energias,
das águas, das terras e das matas,
Se reconhecendo enquanto Deusas, coroadas
Por nossas líderes vamos prosseguir
Deixar o amor puro que existe em nossos corações fluir,

Para que enfim possamos
Refletir, perdoar, prosseguir...

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Justiça Racista.

"Século 7 o racismo se inicia,
Sem perdão de setenta vezes sete, que ironia!
Trazidos, vendidos e tratados mal,
A história da Pátria Mãe Gentil
Justiça? Começa muito mal.

Desde que nossos ancestrais puseram os pés aqui,
Torturas, injúrias, morte, calúnias,
A gente viu, vê e ainda presencia por aqui,

Acabou-se a Lei Áurea,
Mas nas ruas, escolas, empresas,
é perpetuada diariamente mesmo que aérea,

O pobre, preto, periférico é quem sobre,
sem quaisquer privilégio,
O extermínio da juventude negra mata mais que o próprio tráfico,
Querem limpar suas mãos de sangue para que não sofram
maus-tratos,

para amenizar o Parlamento tem que ter cotas para pretos,
Porém, o Estado nunca ajudou,
Libertou os negros do jugo dos senhores de engenho,
Mas como uma sociedade que não se vê como preta vai garantir esses direitos aos pretos?

na internet, chove de papo intolerante,
mostra o preconceito de forma redundante,
Todos sofreram e sofrem de forme gritante,
mirando seus discursos vazios carregados de ódio, vibrantes

Justiça? no Brasil racismo não é considerado crime,
a lei 7.716/89 trata de descriminações, oprime,

Sabe quantas pessoas foram condenadas?
Além de defasado há mais de dois anos é considerado "outros",
A ausência do racismo só reforça a teoria de quem sofre dia-a-dia
A pessoa age de forme racista e paga como injúria racial, paga uma fiança e sua vida continua,
quando muito fica um ano presa,

mas como fica a vítima que sofreu sem qualquer realeza?

Justiça? Racismo é institucionalizado,
Documentos mostram o cárcere dividido por raça, velado

nada menos que 61% de ambos os sexos atrás das grades é preto,
O que era 4P aqui é 3: preto, pobre, periférico,
e a condição para bons advogados, nada,
Alerta a Defensoria Pública,
chega de maus tratos!

E a propaganda do Paraná? Resolve revelar.
O pecado é preto, por isso, embranqueça-te,
pela moda, pela mídia, bem de forma perversa, quanta ironia,
Para o padrão de beleza, quanta ironia!

Sentimento falado aqui é depressão,
negação e ódio por si mesmo,
Amplificando ainda mais o sofrimento.

Até a pureza da justiça infantil se torna malvadamente, hostil
Psicólogos afirmam, a tomada de consciência do oprimido é difícil,

Reconhecer-se racista e deixar de ser, quem vai querer?

Esta é minha luta ou não vamos conseguir quebrar esse ciclo,
que se perpetua!
Justiça? a Minha é nua e crua!!

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Jogo de interesses.

Resultado de imagem para african look

"Deste jogo eu tô fora,
De seres humanos que só olham por fora

Jogo de ilusão,que o que só importa é aparição
Aparição da carne vermelha com o pecado
Pecado do mau trato
Pecado, pecado, pecado,

Onde a noite trás a traição,
A sútil noite trás a doce ilusão,
O brilho oculto para poucos aparece
A sua falsa luz enlouquece
O seu falso falar ensurdece

Brilho falso que leva a escuridão,
no poço final que se chega a solidão,
Solidão que se chega pelas práticas erradas,

Jogo de interesse não sobra um, 
nesse mundo cheio de zum-zum-zum

Examine seu caminhar, para que sua luz esteja sempre a brilhar,
Brilhar pelo seu amor próprio,
que esteja brilhar pela verdade
Sem parcialidade na fidelidade consigo mesmo, de verdade
e no sossego,

Sossego de ser você mesmo em sua paz interior,
no teu aconchego."

Holding on to Jah

Esconderijo - Ana Cañas