terça-feira, 5 de novembro de 2013

Sobre o que vou falar...



Sobre o que vou falar?

Vou falar um pouco sobre a arte de sentir,
Sentir amor, sentir perdão, sentir coisas positivas,
Sentir tudo, menos negação,
O sentir é algo que vem de dentro, não é nada programado,
É como borboletas no estômago,
Bem daquele jeito chiado,
Revirando tudo e despertando o olhar,
Corando as bochechas, pode ser um jeito novo de amar,
Para alguns pode ser bobeira,
Para outros pura asneira,
Mas para eu é algo importante,
É a sensação de ser constante.



Sentimento é algo sagrado,
Espiritualidade não pode nos ser negado,
Dom divino é Deus chamando,
Para aqueles que acreditando em seu próprio dom, o amando,
Olhando para dentro, fechando o olho,
Incensando o templo interior você sente,
Aquilo, aquele sentimento bem diferente,
Não tem explicação, não sei como falar,
Só sei que é um jeito diferente de amar,
Amar, o amor verdadeiro de Deus,
É dom pra poucos, meus irmãos, é algo do vivo Deus,

Sem mais, nem menos, não sei se consegui expressar,
Este dom divino de sentir e amar,
Acabo aqui minha humilde poesia,
Sem mais, sem menos maestria,
Gosto desse jogo constantes de palavras,
Deixa eu ir pra lá, lá sentir minha alma...



Holding on to Jah

Esconderijo - Ana Cañas