quinta-feira, 14 de abril de 2011

"Eu sou o Teu Deus..."


"Te falo. Serena-te, reconhece que Sou Deus.

Te falei quando nasceu. Serena-te, sou Deus.
Te falei em sua primeira contemplação. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falei em tua primeira palavra. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falei em teu primeiro pensamento. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falei em teu primeiro amor. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falei em teu primeiro cântico. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através do pasto das pradarias. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através das árvores dos bosques. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através dos vales e das colinas. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através da montanha sagrada. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através da chuva e da neve. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através das ondas do mar. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através da umidade da manhã. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através da paz do entardecer. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através do fulgor do sol. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através das estrelas brilhantes. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através das nuvens e das tormentas. Serena-te e reconhece, sou Deus.
Te falo através do trono e do relâmpago. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo através do arco-íris misterioso. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falarei quando estiver só. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falarei através da sabedoria dos antigos. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falarei quando haja visto a meus anjos. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falarei por toda a Eternidade. Serena-te e reconhece, Sou Deus.
Te falo. Serena-te e reconhece, Sou Deus."




Perdão, obrigada e amém.


0 comentários:

Holding on to Jah

Esconderijo - Ana Cañas